Novo serviço OTT afirma ter direitos de transmissão de futebol da América Latina


Mais uma plataforma anuncia lançamento de serviço de transmissão esportiva na Internet. Depois do fracasso antecipado da plataforma #Sportflix, a Chilena Fanatiz afirma que possui os direitos de transmissão das principais ligas de futebol da América do Sul e irá oferecer cobertura ao vivo pela Internet para fãs ao redor do mundo.

Direitos de Tranmissão declarados pela Fanatiz (Fonte: Fanatiz)

Modelo de negócios da plataforma

Fanatiz afirma trabalhar com aquisição de direitos esportivos assim como as outras plataformas de Streaming, mantendo seu foco nos direitos ainda disponíveis no mercado e respeitando os acordos territoriais existentes. Por exemplo, a Primera Divisão chilena não estará disponível no Chile, assim como os assinantes mexicanos não terão acesso à Liga MX ou à Superliga da Argentina, campeonatos cujos direitos de transmissão pertencem a outras emissoras.

“Ao lançar esta plataforma global, buscamos fãs do futebol latino-americano não só em seus países de origem, mas também na Ásia e na Europa”, disse Matías Rivera, presidente-executivo da Fanatiz, de acordo com o site da Rapid TV News.

A plataforma, disponível também sob forma de aplicativo para celular, se remunera a partir da venda de assinaturas mensais individuais com preço base a 14,99 dólares.

Além do conteúdo ao vivo, o assinante tem acesso a vídeos on demand, documentários e melhores momentos dos jogos.

Ajustes do mercado: Concorrência vs Pirataria

O lançamento da Fanatiz ocorre em meio à recente controvérsia em torno da plataforma Sportflix, acusada de oferecer programação esportiva que é exibida pelas principais emissoras sem autorização, o que institui pirataria e transgressão aos direitos de propriedade intelectual.

O mercado de Direitos de Mídia esportivo ainda está se ajustando com as plataformas nativo digitais como a Amazon e o Twitter investindo em aquisição enquanto as emissoras tradicionais se reorganizam frente ao novo cenário. Para complicar o mercado, novas plataformas surgem a cada momento, de diversas fontes, como por exemplo a recém anunciada Sports.tv, cuja proposta é trazer ao cliente final conteúdo esportivo ao vivo e de natureza premium. A plataforma é propriedade da Entertainment Studios LA e deve agregar os direitos já em portifólio.

Se por um lado a concorrência tende a se acirrar, por outro ainda persiste o problema da transmissão pirata de jogos. Facebook e Twitter estão se esforçando para eliminar as lives ilegais enquanto outras plataformas reforçam sua fiscalização em canais como o Youtube e até o Twitch.

Um esforço combinado entre emissoras, plataformas, ligas e federações para a legalização da transmissão digital ao vivo de jogos e eventos esportivos.

Não se esqueça de assinar o Gestão Esporte Clube para receber as novidades do site diretamente no seu e-mail. Siga-me no Twitter para novidades em tempo real!

Comente!