Comitê Paralímpico Internacional lança plano estratégico até 2020


O plano contempla apenas modalidades das Paralimpíadas de Verão onde o IPC atua também como Federação Internacional: Atletismo, Levantamento de Peso, Tiro e Natação.

Até 2020 o Comitê pretende elevar o patamar das modalidades investindo em pilares que foram bem-sucedidos no planejamento 2013-2016. Neste novo ciclo, o IPC objetiva o desenvolvimento das competições e da estrutura organizacional, bem como o desenvolvimento da marca World Para Sport, captação de recursos e parcerias e desenvolvimento de atletas.

“O novo plano estratégico para as quatro modalidades de verão da World Para Sports, visa elevá-las ao próximo nível, torná-las mais autossustentáveis ​​e mais valiosas ​​pela adesão do IPC”, disse Sir Philip Craven, presidente do IPC.

As informações são do portal InsideTheGames.

O Comitê Paralímpico Internacional demonstra-se satisfeito com os resultados dos últimos quatro anos e relata que as modalidades tiveram aumentos expressivos no volume de participantes, a partir da criação de mais oportunidades de competições. O desenvolvimento do calendário também favoreceu aumento da cobertura midiática e televisiva e consequente suporte comercial.


Reveja: Vídeo comercial do Parapan de 2015 em Toronto, Canadá


Para 2020, o Comitê pretende persistir nessa estratégia ao mesmo tempo que busca aprimorar a qualidade de cada modalidade em suas diversas áreas: da gestão ao desenvolvimento de atletas e equilíbrio competitivo.

O plano foi desenvolvido em 2016, em consulta com a comunidade de cada esporte, com a participação de partes interessadas de todas as áreas.

Além do plano macro, cada modalidade tem seus pilares e objetivos individuais a serem mensurados ao longo do ciclo até 2020.

“A World Para Sports trabalhará mais perto dos Comitês Paralímpicos Nacionais para ajudar no desenvolvimento; enquanto procurar aumentar seu alcance e impacto global através de uma oferta plural de transmissões, mídia digital e cobertura da mídia”, disse Sir Philip.

Além deste trabalho, o IPC buscará oportunidades de cooperação com as Federações Olímpicas das modalidades equivalentes.

A visão é “permitir que os paraatletas mostrem suas habilidades e atinjam o seu pleno potencial em todos os níveis desde as bases até o mais alto nível de desempenho”.

O IPC afirma que a missão da World Para Sport é “desenvolver um calendário de competições de longo prazo que motive e aumente a participação de atletas, ofereça altos níveis de ofício e classificação profissional, uma competição justa e amplifique a exposição dos esportes e seus atletas. ”

Um plano estratégico de quatro anos para os cinco esportes de inverno deve ser publicado em 2019, com o plano atual encerrando no próximo ano.

Não se esqueça de assinar o Gestão Esporte Clube para receber as novidades do site diretamente no seu e-mail. Siga-me no Twitter para novidades em tempo real!

Img. Destaque: Escultura dos Agitos símbolo dos Jogos Paralímpicos / Por Tânia Rego da Agência Brasil

Comente!